Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


tradutor

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish


desabafo #1

por nans, em 04.11.12

Acho que, aos poucos, a minha sanidade mental vai escapando e o desespero começa a ganhar terreno.

Faltam dois meses para ir embora e até lá as minhas actividades são muito poucas. Não tenho emprego, logo nem com isso posso contar para me distrair. Ainda tento virar a minha atenção para a cozinha, mas até isso tem os seus limites.

Impus a mim mesma uma lista de livros e não tenho vontade nenhuma de os ler. Okay, eu comprei os livros, eu tenho que os ler, mas mesmo assim ... saber que tenho outros livros que poderia estar a ler, mas que me proibi de ler? É dificil. Os livros que ainda não empacotei são aqueles que tenho que ler antes de Janeiro, porque, como já disse anteriormente, não os quero levar para a nova casa, mas a vontade de os ler é pouca e eu não funciono bem com listas que me impõem uma ordem de leitura obrigatória. 

Tudo me chateia, tudo me deixa triste. A paciência, que antes tinha em abundância, começa a ser pouca e estou à espera do dia em que me passe completamente. 

Não diria que estou ansiosa por ir para Edimburgo, estou simplesmente farta de não ter algo concreto para fazer. Tudo o que possa começar a fazer neste momento parece-me fútil, desnecessário, porque terei sempre aquela vozinha na minha mente a dizer-me; "daqui a dois meses já não estás cá".

E depois, para piorar as coisas, nestes últimos dias apercebi-me que as pessoas não acreditavam que eu ia mesmo para fora. Quando lhes digo que já comprei a viagem e que é apenas de ida, recebo o típico "ai vais mesmo?", como se a decisão que eu tinha tomado em Setembro fosse uma fase que não valia a pena levar a sério. 

Mas o pior de tudo são aqueles que não acreditam que eu vou para Edimburgo trabalhar. Pessoas que veêm isto como uma espécie de férias. A essas pessoas só me apetece gritar "eu vou e não pretendo voltar" ... porque é essa a verdade. Eu vou e não pretendo voltar, a não ser para visitar a familia e amigos. O meu plano nunca foi ficar em Portugal ... licenciei-me em Cinema, só isso já deveria de dizer alguma coisa. 

Anyway ... 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De PaperLife a 16.11.2012 às 16:17

Acho que tens de sair, de "arejar" :)
Só quem passa por uma situação dessas é que sabe dar o verdadeiro valor, eu sei, mas tentar ajudar não custa ;P

Tenta não pensar apenas e só nisso. Tens de viver o presente, de queimar os "últimos" cartuchos. Experimenta fazer algo diferente, não sei :)
Em vez de leres, faz tu a tua própria história. Comete uma "loucura" :D (nada de assaltar bancos, cortar pulsos com uma faca de serrilha... uma loucura saudável :P )
Quanto ao resto, não vale a pena ligar muito ao que os outros dizem. Por vezes dizem o que não sentem, sentem o que não dizem, etc... Uma certeza tu tens: aqueles que gostam de ti estão sempre do teu lado, estejas aqui, na China, na Lua... ;)

Ah, e desculpa a intromissão, mas não consegui evitar :$
Imagem de perfil

De nans a 25.11.2012 às 10:13

Começo a pensar que me tornei um pouco numa ermita xD
É quase impossivel não pensar "para que vou fazer isto ou aquilo, se daqui a dois meses já cá não estou?" ... e sei que é um pensamento errado, mas ás vezes a preguiça é mais forte que eu e faz com que fique fechada em casa.
Mas prontos ... é da maneira que descanso e quando for para Edimburgo o descanso vai ser tal e não paro em casa xD

Comentar post



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D